Amazonas Destaques Economia Manaus Tecnologia

Na ExpoAmazônia Bio&TIC, FPFtech premia jovens programadores no Amazon Code Challenge

MANAUS – Uma verdadeira vitrine para os novos talentos da programação, o _hackathon_ Amazon Code Challenge encerrou seus dois dias (29 e 30) de competição reconhecendo os principais talentos da área. A iniciativa apoiada pela Fundação Desembargador Paulo Feitoza (FPFtech) aconteceu na edição 2023 da ExpoAmazônia Bio&TIC, promovendo questões que precisavam ser solucionadas utilizando as principais linguagens de programação do mercado de trabalho.
Jerlilson Silva, desenvolvedor de software da FPFtech, acompanhou de perto os passos dos competidores no desafio, que ele considera ser uma oportunidade de exposição para novos talentos ao mercado de trabalho. De acordo com Silva, desafios como o Amazon Code Challenge são uma porta para fortalecer o networking com os principais institutos de inovação.  
“O desafio fomenta não apenas a competitividade, mas também o interesse do pessoal da área em praticar o código em si, que não seja restrito ao dia a dia normal de trabalho. Enquanto estudantes, é uma motivação para buscar qualificação, além de aproveitar esses encontros como testes para ver como está o mercado, os padrões que as empresas estão utilizando, botando isso à prova no mundo real”, destacou Jerlilson Silva. 
A maior parte dos inscritos no Amazon Code Challenge, segundo Jerlilson, foi composta por estudantes das principais instituições públicas do Amazonas, principalmente da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). É o caso do campeão do primeiro dia, Eduardo Lima, aluno da UEA, que se destacou com 200 pontos no desafio.
Premiado com um smartphone, o programador de 22 anos já havia participado e vencido outras duas maratonas de programação anteriormente. “Esse tipo de desafio ajuda no desenvolvimento do raciocínio lógico e incentiva os alunos a estudarem algoritmos, o que é muito útil no mercado de trabalho”, salientou Lima.
No ranking do primeiro dia, Eduardo Lima dividiu o pódio com outros jovens programadores, João Lima e Everton Andrade, que ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente. No segundo dia, os destaques do ranking foram Wesley Rocha (3⁰ lugar), Jonatas Azevedo (2⁰ lugar) e Fernando Neder em primeiro lugar. A premiação também reconheceu Gabriel Colares como destaque júnior e Ane Silva como destaque feminino. Todos os três primeiros colocados, em cada dia de competição, receberam premiação ao final do desafio. 
O Amazon Code Challenge é uma iniciativa do Instituto Eldorado, da FPFtech, do INDT e do Polo Digital de Manaus.

***Com informações de assessoria

Related posts

Escolas indígenas são regulamentadas

Redação

Ministério da Saúde abre consulta sobre diagnóstico do câncer de pele

Redação

Vacina contra varíola dos macacos será adaptada às realidades do país

Redação

Deixe um comentário